quinta-feira, 26 de março de 2009

Depoimento de Carla Monteiro

Olá Anderson,tudo bem?
Vi um email seu aqui em minha caixa e lembrei do blog da escola,quando fui la ver as postagens me deu uma enorme saudade,mas la eu não consegui escrever,então envio meus escritos por aqui,espero que leia.E repasse aos professores!
Hoje vejo o quanto estar ai nesta escola foi gratificante para mim.Todas as aulas que tenho agora são apenas aperfeiçoamento de tudo que estudei sentada nestas carteiras,diga ao Araceli ao Pe. José Paulo e a Simone que a cada dia torna inevitável não recorda-lós pois tudo que o professor de História da Educação Física diz ja foi de alguma forma transmitido por eles.Sempre que vou para a aula de jogos e brincadeiras me recordo muito da Verinha e da Gilsana me vejo prestando atenção em tudo que preciso saber nos minimos detalhes,logo paro e recordo "a Verinha ja fez isso com minha turma",nossa a Gilsana ja havia comentado sobre isso"!
Mas é na aula de Introdução a Docêcia que vejo a todo momento todos os preofessores que ja foram meus mestres.Estou aprendendo que acima de tudo para ser Docente é fundamental a ética,"O Alcione ja falava sobre isso",logo vejo que além disso tudo, precisamos cativar nossos alunos,"A Flávia,a Josi ,a Marcia, a Marli souberam mostrar como é isso",ainda não tenho calculos mas sempre que meus novos mestres nos instigam a ser mais me lembro de quando o José Roberto começou a dar aula e me ensinar matemática,não aceitava entrava muitas vezes em atrito com ele,e hoje eu vejo que ser mais é o minimo que posso fazer.Tenho que ser muito!Semana passada tive que aprensentar um trabalho e quando me vi na frente de minha turma me lembrei de todos os trabalhos de geografia que você havia nos ensinado a aprensentar,hoje isso é muito valioso para mim.Aqui não tenho professores que me chamam sempre pelo nome e se preocupam comigo,quando era aluna ai via todos os meus colegas(as vezes eu também) acharem o Evandro e o Leandro professores fechados que não davam atenção,mal sabia todos eles que aqui encontramos muito Evandros e Leandros e que na verdade eles não são tão fechados assim estão fazendo apenas o papel de mestres.Hoje vejo que escrever e ler é fundamental e essencial pra tudo que eu faça aqui,e nestas horas que sempre vejo o Altair conversando comigo sobre os livros que amava ler e os textos que sempre eu queria escrever mais.Hoje tenho que ler e escrever muito mais do que imaginava conseguir.Sempre vejo a Isabel falando comigo,logo ela que eu sempre achei que pegava no meu pé soube me mostar como esta escola iria me fazer falta.
Mas é quando tudo aperta,quando os estudos exigem mais do que acho que vou conseguir é que me lembro das palavras do Mauro"A vida fora daqui é díficil vocês precisam ter coragem e enfrentar tudo com força".
Queria que todos os alunos que ainda ai estão soubessem aproveitar todos os momentos maravilhosos que podem ter,soubessem tirar aproveito de todos os professores de todo aprendizado.Eles ainda vão sentir muita falta e saudades enormes,igual eu sinto hoje,mas vejo o quanto amadureci ai dentro e cresci demais.Agradeço a todos por isso.Queria abraçar a todos mas nunca tem jeito.Então fica aqui meu forte abraço e quando der eu apareço ai pra matar a saudade!
Beijo a todos!
E-mail enviado à Escola "Dr. Antônio Batista do Nascimento", pela ex-aluna Carla Monteiro. Aproveitamos a oportunidade para também agradecer sua passagem por nossa escola, na qual sempre será lembrada. Sucesso...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário sobre esta postagem.